terça-feira, 31 de agosto de 2010

CEGO DE AMOR


CEGO DE AMOR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

CEGO DE AMOR

Cego de amor
choro lagrimas
do relevo fotográfico
de nos dois
tocou-me como em braile
cego de amor
como ninguém nunca
jamais me havia tocado
de uma forma cautelosa
passo a passo
amou-me como nunca
ninguém me amou
nos teus olhos me reve-lo
nos teus olhos
meu relevo de amor

ANDRÉ RUIZ
Follow neneruiz on Twittertarget="_blank">

Links para esta postagem

ABSTRATOS SENTIMENTOS


ABSTRATOS SENTIMENTOS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ABSTRATOS SENTIMENTOS

Poente de amor
horizonte de nos dois
as vezes e preciso desperta-lo
bobagem como posso acordar algo
que nunca dormiu em mim
tudo esta como deve
sem ansiedades
o momento virá
não roube meus momentos de solidão
afinal você verdadeiramente
não pode me oferecer companhia
sem gente dentro todo amor e vazio
mais mesmo assim eu te amo
nobre abstrato sentimento
chamado amor
preenchendo vazios


ANDRÉ RUIZ

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

fórcepses


fórcepses, upload feito originalmente por amigos do poeta.

fórcepses

Desembrulhado a pele
rompendo todos os laços
tento em vão tirar você de mim
já fiz de tudo
tentei ate fórcepses
não acho solução
pois ate e sua
a minha respiração.
Desértica solidão
sem você ao meu lado
nem fórcepses nem pele
nem nem vazio algum,
chuva de emoções.
Desobedecendo a tristeza,
esqueço a rima não tem jeito
e toda tua minha alma
meu amor meu coração
rendo-me a ti
eu te amo

ANDRE RUIZ

domingo, 29 de agosto de 2010

TUDO ME PERTENCE


TUDO ME PERTENCE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

TUDO ME PERTENCE

Sei que são todos meus
os teu ais
longos e breves
calam minha boca
aguçam meus desejos.

Afloras em meus sentidos
suspiras,clamas me chamas
ascendes a chama,sussurrando
versos que eu não escrevi
partilhas segredos
de teu labirinto intimo meu.

Sussurro de fogo
minha poesia alada
minha dama
minha mulher
minha morada
sei que são todos meus,
ais!!!.
Tudo me pertence

ANDRE RUIZ

sábado, 28 de agosto de 2010

APRENDENDO


APRENDENDO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

Eu cresci
minha emoção
ficou adulta
as lagrimas de hoje
não são de dor de medo,
mais sim sagradas,
manifestam um
amor inexprimível
minha alma então cresceu
virei gente grande
aprendi a amar
me apaixonei
continuo no mesmo cais
a te esperar

ANDRÉ RUIZ

sexta-feira, 27 de agosto de 2010


MÃOS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

PAIXÃO DE DUAS MÃOS

Um beijo no papel uma frase
e os lábios em silencio
então se deliciam
através dos olhos da prosa
da poesia,
sente nelas o gosto de mel
saboreia as palavras
saída do peito do favo
da alma de um autor
que sabe um sábio
um poeta um sonhador
palavras faladas
através dessa paixão
de duas mãos

ANDRE RUIZ

ENFEITIÇANTE


ENFEITIÇANTE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

BUSSOLA

Os vestígios são visíveis
alma educada para amar
teço a liberdade
para alma descansar
e tu me vens aos olhos
pingo de emoção
esse templo
que chamamos de corpo
fecundo pra ti ,enfeitiçante
essa bússola de nome coração
que só marca seus caminhos tua direção

ANDRE RUIZ

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

ATE SEMPRE


ATE SEMPRE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ATE SEMPRE

Vinho puro e tinto
guardado na adega de Deus
apaixonadamente
embriago-me
Perco-me
propositalmente,
gole a gole
só quero me encontrar
dentro de ti
ate sempre,
assim nos despedimos
por instantes
afinal somos par constante
ate sempre amor

ANDRÉ RUIZ

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

INESQUECIVEL


INESQUECIVEL, upload feito originalmente por amigos do poeta.

INESQUECÍVEL

Eu quero uma mordida que me cure
pólen lançado e fecundo.
Sou Uno em vários
leve meu corpo e me traga prazer.
Só não será pra sempre,
mais sim para sempre e mais um dia
elo invisível almas acorrentadas
inesquecível você


ANDRÉ RUIZ

terça-feira, 24 de agosto de 2010

GOLES DE AR


GOLES DE AR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

GOLE DE AR

E meus olhos em chamas
lapidam faíscas da tua presença
derramo em ti todo meu fôlego
tu me serves de cristal taça de ar

A gravidade que já não existe
flutuamos e nossas próprias orbitas
em nosso imenso mundo, de alcova
nesse nosso quarto de dormir.

A noite se foi
com a lua e as estrelas
amanheceu em nos
o amor
preciso sim
de mais um gole de ar

ANDRÉ RUIZ

GOLES DE AR


GOLES DE AR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

GOLE DE AR

E meus olhos em chamas
lapidam faíscas da tua presença
derramo em ti todo meu fôlego
tu me serves de cristal taça de ar

A gravidade que já não existe
flutuamos e nossas próprias orbitas
em nosso imenso mundo, de alcova
nesse nosso quarto de dormir.

A noite se foi
com a lua e as estrelas
amanheceu em nos
o amor
preciso sim
de mais um gole de ar

ANDRÉ RUIZ

GERAMOS POESIA


GERAMOS POESIA, upload feito originalmente por amigos do poeta.

GERAMOS POESIA

Poesia letras,
umas grandes
outras miúdas
desnudas.

Feito um parto da escrita
prontas para nascer
no papel descritas.

Criar uma historia um conto
realizar um sonho
estancar um pranto
botar na boca
um desejo um beijo.

E no peito um suspiro
falando de amor de amar
falando que eu te amo,

E nas águas de amor
do cio do teu desejo
me deixo sempre
afogar os meus
e então geramos
poesia.

ANDRÉ RUIZ

domingo, 22 de agosto de 2010

ETERNOS LAÇOS


ETERNOS LAÇOS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ETERNOS LAÇOS

Tantas coisas vividas
Pelo longo caminho da vida
Ate então percorrido.

Umas inesquecíveis
Outras apenas saudades
Alguma a prova d'água
Impermeáveis.

Isso mesmo aquelas
que por mais que choremos,
por dentro não se desfazem,
nos tocam profundamente
ainda que morram
que sigam suas viagens.

A essas nunca partem de nos
como ja disse uma vez ecoam na eternidade

ANDRE RUIZ

sábado, 21 de agosto de 2010

PELE E POESIA


PELE E POESIA, upload feito originalmente por amigos do poeta.

PELE E POESIA
alma
que grita
arrepia
essa tua pele
com cheiro de poesia
aromas escritos
em cada poro seu
te leio no rosto
riso um goso
essa nossa alquimia
espasmos que
tocam meu sentir
coisa de pele
alma e coração
coisa de amor

ANDRÉ RUIZ

AMOR GUERREIRO


AMOR GUERREIRO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

amor guerreiro

Minha insegura rima
poema que eu te fiz
rasgando os sentidos
essa tua chegada
que apagou minha solidão
ocupou o meu silencio
como um espartano general
tomou posse de mim
sangue quente
desejo ardente
um guerreiro
de nome amor

André Ruiz

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

ALMA GESTANTE


ALMA GESTANTE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ALMA GESTANTE

Minha alma
esta gravida de amor
que se manifesta
através da palavra escrita.

Gravida de sonhos
alma gravida
de desejos e vontades
alma gravida falada
através das mãos
das poesias.
[RED][I]
alma gravida
de amor, apaixonada.
Alma gravida de ti

ANDRE RUIZ

FOGO DA PAIXÃO


FOGO DA PAIXÃO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

FOGO DA PAIXÃO

Como um castiçal
uma vela ardendo
assim tu fizeste amor
só depois
de me colocar
em chamas reacendo
sentindo então tudo tudo
intensamente
como uma vela ardendo
Fogo da paixão.

ANDRÉ RUIZ

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

SEM ASAS APENAS PENA E NANQUIM


SEM ASAS APENAS PENA E NANQUIM, upload feito originalmente por amigos do poeta.

SEM ASAS
APENAS COM A PENA
E NANQUIM

E como um pássaro
me dispo das asas
para poder voar
nas palavras
que saem da tua boca.

Acordando assim paginas que vão
bem mais alem
do que o simples ato de escrever
alguns pecados pequenas
confissões segredos de amor.

Quem se conhece
por poesia ama,
realmente ama
e se apaixona primeiro
pela alma
sem asas apenas
pena e nanquim
ANDRE RUIZ

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

AMOR ALADO


AMOR ALADO
Upload feito originalmente por amofofassras
amor alado

Alma feita de asas
corpo de mulher
coragem pele fria
corpo nu do teu medo
maiores sempre são
nossos desejos.

Riscado em traços
mal marcados,
desejo imenso
que já não me cabe
pólen ao vento.


Meu maior tormento,
aquele que mora
dentro de mim
esse desejo de só ser
seu.
amo você

ANDRE RUIZ

CRIME PERFEITO


CRIME PERFEITO
Upload feito originalmente por amofofassras
CRIME PERFEITO

E nesse instante momento
somente seu rosto
em meus pensamentos
e o flagrante da saudades
que ficou para sempre em mim.

Também muitos beijos,
impressos em minha pele,
em meu corpo
o toque dos teus dedos
as tuas digitais.

Provas de um crime perfeito
para sempre você em mim
em meus pensamentos.

Entre as coisas
mais lindas
que eu conheci
so você ficou aqui

Morri de amor
renasci em nos dois
crime perfeito

ANDRÉ RUIZ

terça-feira, 17 de agosto de 2010

A ESPERA


A ESPERA
Upload feito originalmente por amofofassras
A ESPERA

Enquanto a realidade
não tomar uma atitude
continuo a me realizar
em meus sonhos
vital para mim
e a tua presença
e ela esta sempre
em cada canto
do meu sonhar
Espero por algo
até que não
o queira mais
porque depois de um tempo
não mais faz sentido sonhar
enquanto a realidade
não tomar uma atitude!!!!

ANDRE RUIZ

SEMPRE SAUDADES


SEMPRE SAUDADES
Upload feito originalmente por amofofassras
SEMPRE SAUDADES

Raíz da alma emoção
guardo tudo aqui
na casa da saudades
que uns chamam memoria
mais eu acho que e tudo coração
raíz da alma !!!! saudades desejos segredos
nos dois sempre saudades
ANDRE RUIZ

sábado, 14 de agosto de 2010

NO TEU CORPO


NO TEU CORPO
Upload feito originalmente por amofofassras
No teu corpo

Me leva por teus caminho
essa coisa de aconchego
esse ninho.

Me inflama assim
me enrosca
nessa tua chama
a qual tem nome de amor.

Induzindo-me aos
mais loucos anseios
nos embriagamos
em nossos perfumes
subimos montanhas
alcançamos céus e cumes
nossos cheiros.

Só me encontro se
me perco no teu corpo
me leva por teus caminhos
aconchego amor cheiros ninhos

ANDRE RUIZ

FENIX


FENIX
Upload feito originalmente por amofofassras
FÊNIX

Os olhos que frente a frente olhei
no silencio das minhas palavras
amei desde então te perpetuei
motivo eterno dos meus sonhos
viestes como um presente
a enfeitar meus dias
acendeu-se então
as luzes do firmamento
aconteceu você
como fênix renasci da cinzas
pra eternizar nos dois
eternamente amor

ANDRÉ RUIZ

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

BEIJA-FLOR


BEIJA-FLOR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

BEIJA-FLOR

Num hoje sem amanha
porque para nos
sempre e o eternamente
amor precioso como flor
não o colho apenas desfruto
do teus frutos meu jardim
com um toque de beija-flor
intimo em seu botão
deposita em mim o pólen
como que num gesto natural
fazemos amor alias paixão
porque os outros fazem amor
e nos fazemos paixão
beija flor

ANDRE RUIZ

ESCOLHAS


ESCOLHAS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ESCOLHAS

Ama -me mais deixa livre
a minha respiração
Ata-me mais que a alma
fique livre.
Tenho culpas sim
como todos as tem
liberte-me com perdão.
Falsos pudores ,
medo de se mostrar
por inteiro
forma estranha essa
de enfear-se
sem espelhos
escolhas e renúncias
pequenas brechas
liberdade amor
O que importa e fazer valer a pena
ANDRÉ RUIZ

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

POESIA IMPOSSÍVEL


POESIA IMPOSSÍVEL, upload feito originalmente por amigos do poeta.

POESIA IMPOSSÍVEL

Hoje, maduro, faço-me criança
dos meus sonhos quimeras
nunca os abandonei.

Meu amor
abrigo sempre presente
mesmo que ausente
sei que
velas por mim
olhar pleno de luz
estrela guia
que a mim me conduz

Entre meu escritos um sonho
fazer uma canção para ela
um verso acrostico uma poesia

Depois de tanto tentar
tanta agonia
como fazer se e você
minha própria poesia.
O meu melhor poetar
dos meus sonhos quimeras


ANDRÉ RUIZ

POETAS E POESIAS PARA QUE


POETAS E POESIAS PARA QUE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

POETAS E POESIAS PARA QUE

Despidas de preconceito
marcas de intensas sensações,
alma poética a nos marcar com escritos
de amor sonhos sensações, emoções
porque a palavra atua envolve ecoa.

Um dia alguém já poetou também
depois de ter você poetas para que.

Se somos nos a própria poesia
a escrita única do amor
verso maior de nos dois
acrósticos eterno de amar.


Depois de ter você
poetas para que

ANDRE RUIZ

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

PEGA LADRAO


PEGA LADRAO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

PEGA O LADRÃO

Atração, no início você
roubou o meu chão
minha emoção,
agora rouba o meu fôlego.
Quando você aparece
por mais que eu queira
não consigo respirar.
Ladrão da minha alma
me espreme do peito
o meu melhor poema
sendo você sempre o tema
sendo você sempre amor
E então não consigo mais pensar
arrepiado pelo êxtase de tua presença
e todo seu meu jardim
são todas tuas
rosas e orquídeas
belas flores

ANDRÉ RUIZ

A PRIMEIRA VEZ


A PRIMEIRA VEZ, upload feito originalmente por amigos do poeta.

A PRIMEIRA VEZ

Imerso na emoção
sinto em você
o sabor do infinito
A primeira vez
nossos momentos
revelações descobertas
desnudamo-nos segredos
tantos desejos
Imerso na emoção
em sempre assim
eu e você
como se fosse
a primeira vez

ANDRÉ RUIZ

A PRIMEIRA VEZ


A PRIMEIRA VEZ, upload feito originalmente por amigos do poeta.

A PRIMEIRA VEZ

Imerso na emoção
sinto em você
o sabor do infinito
A primeira vez
nossos momentos
revelações descobertas
desnudamo-nos segredos
tantos desejos
Imerso na emoção
em sempre assim
eu e você
como se fosse
a primeira vez

ANDRÉ RUIZ

MORRER DE AMOR


MORRER DE AMOR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

MORRER DE AMOR

Faz tanto tempo…
Mas guardo a lembrança
única daquele dia
que quase me matou de amor
E minha alma sensitiva pressentiu
que era amor para a vida inteira
eterna diva…volúpia escondida
em tua simplicidade e ternura
quase me matou de amor
Eu ali cativo em tuas mãos
criou-se então um elo uma corrente
continuo aqui aprisionado
desfolhando sonhos
cultivando amor com você
que me mata de amar

ANDRÉ RUIZ

terça-feira, 10 de agosto de 2010

O AMOR NÃO EXISTE


O AMOR NÃO EXISTE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

O AMOR NÃO EXISTE

Eu hoje descobri
porque temos o sol
a nascer todo dia
lua estrelas
vento ventania
são eles sim
cúmplices do nosso amor.
Natural trama dos céus
assim como quando
resolveu unir nos dois.
Eu sabia que tu vinhas
sem preconceito ou pudores
te plantei dentro de mim.
Beija-flor, mel que depositei
em meu pote de desejos
escolhi saborear
para sempre teu sabor .
Eu sabia que tu vinhas
naturalmente chegastes
afinal o amor na verdade
não existe ele surge

ANDRE RUIZ

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

OLHOS NOS OLHOS


OLHOS NOS OLHOS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

OLHOS NOS OLHOS

Raro momento só meu
raro esse teu meu
olhar enamorado.
Descortinando minha alma
fugidos e encantadores
esse teu meu olhar enamorado.
Nosso momento e ontem
o presente o agora
e o eternamente.
Despido de mim assim
preso a esse olhar
preso a ti
nesse quarto de amar
que já exala nossos odores
somente em nos olhar.
Raro momento só meu
raro esse teu meu
olhar enamorado
desejando nos dois

ANDRÉ RUIZ

domingo, 8 de agosto de 2010

O QUE E O QUE E MEU IRMÃO


O QUE E O QUE E MEU IRMÃO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

A sentimento
que ninguém
sabe falar o que é,
essa coisa de pele,
tato, visão.
aguçado paladar..
sorriso encantado,
respiração ofegante
desejo fantasias
tesão
Esse teu olhar
a me devorar calado
quieto me despindo
em tua imaginação
me deixando assim
nu de mim
mesmo sem ação
assim por anos
me dominas me fascinas
me emudece a escrita
boca seca mãos tremulas
me rendo a ti
e percebo que
esse sentimento
e amor,so me resta dizer
eu amo você

ANDRÉ RUIZ

sábado, 7 de agosto de 2010

SILENCIO


SILENCIO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

Silencio

Então eu tento traçar palavras
certas e retas
ainda que para alguns
lhes pareçam tortuosas
não fosse assim
como poderiam elas
atravessar meu peito
com tamanha precisão
e tocar fundo
em cada um que as le
simples ate, sem nenhum valor
mas em cada uma dela
creia esta minha alma
todo meu amor
silencio esse que me sussurra
e eu tento traduzir,
palavras oriundas da alma
que se evaporam
em cada coração
ANDRÉ RUIZ

EU TE AMO


EU TE AMO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

EU TE AMO

A magia secreta
do ilusionista
a alma do escritor
rabiscos riscos
beijo roubado
entre linhas poéticas
eu e você noites de lua
andar na rua
tocata e fuga
em uma nota só
respostas fugitivas
Sinto que elas temem
serem alcançadas
porque por si só
podem ser reveladas
Se alguém é perfeito
que me ensine
a não ter defeitos!
porque nessa vida
entrelinhas
com ou sem magia
ou resposta
errando ou não
tudo que buscamos
não e a perfeição
mais sim
tudo que queremos
e simplesmente amor


ANDRÉ RUIZ

Sôfrega em chover


Sôfrega em chover, upload feito originalmente por amigos do poeta.

Sôfrega em chover

antecedo tempestades
Eu te espero sem querer,
sem perceber há tanto tempo
só porque te amo,
lagrimas de saudades secaram
e ainda ficou uma tempestade
raios e trovões de esperança
estou aqui com esse sorriso vazio
e sem a alegria de não ter você
Sôfrega em chover
antecedo tempestades
te espero porque te amo te quero
Em meu vasto querer
O incompossível
se fazendo ordem

ANDRÉ RUIZ

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

PORQUE ICARO QUERIA VOAR


PORQUE ICARO QUERIA VOAR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

[VIOLET]
PORQUE ÍCARO QUERIA VOAR

Um lírio cálido sob a lua
pés livres profanando os céus
e um voar sem fim sonho de Ícaro
nessa eterna busca de você.
a esse teu cheiro
que me impregnou a alma
tantas noites sem dormir
perturbadora solidão.
Saudades essa a qual me faz voar
sabor da lágrima,choro por dentro.
Pés livres profanando os céus
e um voar sem fim.
Sou alguém assim
entre o sonho e a solidão
ANDRÉ RUIZ

NEM PURO NEM SANTO


NEM PURO NEM SANTO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

NEM PURO NEM SANTO

Não, não me coloques em um altar
tenho medo de altura, vertigens.
Alem do mais não entendo de milagres
só tenho em mim esse dom de ser profano
universal sei lá, latino americano.
Deixemos de hipocrisias
você sabe bem que se quiseres
posso te ensinar a pecar.
Então e isso nem puro nem santo
apenas homem apenas amor,
talvez poeta, um escritor

ANDRÉ RUIZ

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

ENCANTADOR


ENCANTADOR, upload feito originalmente por amigos do poeta.

ENCANTADOR

A chuva já estava sendo formada neste céu
onde a esperança, então em sua ilusão
se esconde da realidade solidão.
Encantador não é o que ilude
encantador é o que nos conquista
que o que nos conquiste
seja sempre amor.
Uma lagrima um desejo
um abraço um beijo.
Seja sempre amor

ANDRÉ RUIZ

terça-feira, 3 de agosto de 2010

FLORES BRANCAS


FLORES BRANCAS, upload feito originalmente por amigos do poeta.


Flores brancas

Mágico canteiro
de nome coração
mesmo na distância, amor.
Depois de parecer morto
floresceu como flor
em mágico canteiro, 
e um novo botão
cultivado
na tua ausência
renascendo assim
em mim todo dia
flor do amor
nasce branca
me trazendo
sempre você
mágico canteiro
de nome coração
ANDRE RUIZ

LUZ DOS OLHOS


LUZ DOS OLHOS, upload feito originalmente por amigos do poeta.

LUZ DOS OLHOS

Anseio a luz dos teus olhos
para iluminar os meus
tento estar em paz
mais essa distância
esse teu vazio no meu leito.
Oco coração fora do peito
desassossego de nome saudades
que se confunde com desejo,
como te amo.
Luz divina e quando
apago a luz te vejo alem.
Anseio a luz dos teus olhos
para me encher de luz.
Luz dos olhos teus
eu te amo.

ANDRÉ RUIZ

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

INFINITAMENTE


INFINITAMENTE, upload feito originalmente por amigos do poeta.

INFINITAMENTE

A alma ''vive'', no corpo,
e ''existe'', no infinito.
Assim e o amor
que sinto por ti.
Ele vive em mim
e minha razão de viver
por ele existir em mim
acordo todo dia.
Infinito porque te amo
para sempre
e mais um dia
Alma vive você

ANDRÉ RUIZ

OUTRA GALAXIA


OUTRA GALAXIA, upload feito originalmente por amigos do poeta.

MEU UNIVERSO E VOCÊ

Chega a noite
com essa cor da lua cheia
então estamos nos a sós
eu você a lua e as estrelas
somos sol do meio dia
queimando ardendo
fogo e paixão
A paz reina
na Via-Láctea
estrelas cadentes
cometas luas sol do meio dia
planetas em suas constelações
a brindar o no nosso amor
afinal ele não e desse mundo não ,
veio de outra galáxia
onde o amor tudo pode
e tudo e tão somente amor
Te amo mundo inteiro
te amo no universo
meu universo e você

ANDRÉ RUIZ

domingo, 1 de agosto de 2010

SONHO MEU


sonho meu, upload feito originalmente por amigos do poeta.

SONHO MEU

Sonho meu te proponho,
te proponho nele ficares
não me acordes desse sonho
de tanto te querer e te buscar
não me negues
a sorte de ter te encontrado .
Ficas mesmo que,
o pra sempre,
num repente
um segundo se fizer.
Sou parte de ti
deixe-me ao menos
te olhar demoradamente.
apaixonado, amante
me deixe ser
também teu cumplice
amigo agregado
anfitrião do tempo
para que eu o pare nesse instante
e tu não partas daqui
porque desse sonho jamais
quero acordar
eu te amo

ANDRÉ RUIZ

TODO SENTIMENTO


TODO SENTIMENTO, upload feito originalmente por amigos do poeta.

TODO SENTIMENTO

Meu sonho você por noites a fora
Navegas em mim abre teus braços
como velas ao vento.
Nau errante
vem sempre ao meu encontro
desbravando mente alma e coração,
todos os meus desejos.
Lanço-me ao vento
lançando-me a vida
eu mar de sentimento
me rasgando por dentro
me consumindo.
Que posso fazer
silencio minha alma
sou remanso , calmaria
eu te amo

ANDRÉ RUIZ